@Verdade Mobile

Opinião - Editorial

O país está à saque, isso não é novidade para os moçambicanos. Aliás, Moçambique sempre esteve à saque. Depois de anos de espoliação colonial, os moçambicanos passaram a assistir, impávidos e serenos, a uma outra corja de gatunos engravatados que se escondem por detrás da bandeira de libertadores da pátria para sugar o povo.

Há roubos por todos lados. O mais caricato é que os envolvidos continuam impune, assistindo o país indo à pique e, certamente, sombando da desgraça dos moçambicanos. Após as notícias que dão conta de dívidas ocultas em nome do Estado, saque aos cofres do Estado e nas empresas públicas como, por exemplo, a Linhas Aéreas de Moçambique (LAM), recentemente as informações segundo as quais 10 das 30 empresas que entre 1999 e 2002 pediram empréstimos ao Estado moçambicano até hoje não pagaram um único centavo deixam qualquer cidadão, em pleno gozo do seu juízo, com os nervos em franja. A esse ritmo o país e os moçambicanos serão vendidos à saldo.

 
Destaques - Nacional

As mortes por malária, um dos principais problemas de saúde pública em Moçambique, reduziram de 2.467, no ano antepassado, para 1685, no ano findo. Porém, há muito trabalho ainda por fazer nas comunidades para evitar o aumento do contágio, que entre os dois períodos em analise engrossaram de 5.800.733 casos para 6.191.260. No que tange à diarreia e cólera, houve diminuição, quer nas mortes, quer nas contaminações.

 
Vida e Lazer - Pergunte a Tina

Oi Tina quero saber se uma mulher que procura o prazer solitário introduzindo alguns objectos na vagina continua virgem? Manuela

 
Destaques - Democracia

O delegado político do Movimento Democrático de Moçambique (MDM), identificado pelo nome de Mateus Filipe Chiranga, foi supostamente morto a tiro, na sua casa, no passado domingo (15), no distrito de Tambara, província de Manica.

 
Destaques - Newsflash

Uma mulher adulta de nacionalidade portuguesa, cuja identidade não foi revela pela Polícia, encontra-se privada de liberdade na 12a esquadra, no bairro de Mavalene, na capital moçambicana, acusada de posse cocaína e objectos que supostamente usava para se drogar.

 
Destaques - Nacional

Foto de Cidadão RepórterO país está novamente a ser transfigurado, a pouco e pouco, pelas intempéries que prolongar-se-ão até Março próximo. Mais de 70 mil pessoas encontram-se com as mãos à cabeça, sem eira nem beira, nas zonas seriamente afectadas pela chuva acompanhas de ventos e trovoadas. A província de Inhambane está mergulhada um caos que levou à activação do Alerta Vermelho. Desde quarta-feira (18), o país em alerta laranja, que vigora em paralelo com o alerta vermelho no sul e centro, no decretado no ano findo, no âmbito da assistência a mais de 1,5 milhão de pessoas afectadas pela seca e fome.

Actualizado em Sexta, 20 Janeiro 2017 10:19
 
Destaques - Newsflash

Um ancião de 67 anos de idade está a contas com a Polícia da República de Moçambique (PRM), no município da Matola, província de Maputo, acusado de violar sexualmente, de forma repetitiva, a sua neta de apenas sete anos de idade.

 
Destaques - Nacional

A superlotação das turmas, sobretudo nos cursos pós-laboral, a existência de docentes que supostamente forçam alunas a irem à cama com eles em troca de notas, as ameaças e perseguição, a venda de notas e a existência de professores faltosos são alguns dos problemas que tiram sono aos estudantes da Universidade Pedagógica (UP), delegação de Nampula. Eles alegam que tal cenário influencia sobremaneira no baixo aproveitamento pedagógico e na fraca qualidade de ensino.

 
Destaques - Newsflash

Uma adolescente de 17 anos de idade encontra-se presa, desde a manhã de segunda-feira (16), no município de Dondo, na província de Sofala, acusada de matar o namorado, de 25 anos, cuja identidade não apurámos.

 
Destaques - Newsflash

Três indivíduos alegadamente surpreendidos a roubar em propriedades alheias perderam a vida vítimas de linchamento, na passada segunda-feira (09), nas províncias de Gaza e Manica. O quarto cidadão não teve o mesmo fim porque a Polícia da República de Moçambique (PRM) agiu a tempo de evitar o pior. Contudo, ele está a lutar pela vida no Hospital Provincial de Chimoio (HPC).